Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

gonn1000

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Os novos "Standards" de Lloyd Cole

 

Aos 52 anos, Lloyd Cole deu-se ao luxo de fazer o que quis e não o que era considerado apropriado para a idade. O resultado está em "Standards", o seu disco mais "eléctrico e natural" em muito tempo, conforme me contou numa entrevista para o SAPO Música em que fala ainda dos seus hábitos de melómano, da colaboração com o filho ou do que podemos esperar do seu concerto no Misty Fest, em Lisboa, lá mais para o Outono.

 

Uma estalada de rock no feminino

 

Sem a pretensão de querer (re)inventar seja o que for, o primeiro álbum das Anarchicks, "Really?!", mostra que as quatro raparigas têm a lição bem estudada. Assimilaram os ensinamentos de bandas de várias gerações anteriores, prepararam terreno com algumas actuações ou um EP e, com um entusiasmo típico de muitos bons discos de estreia, começam a mostrar uma voz que vale a pena escutar.

 

Depois de ouvir o álbum, a primeira surpresa do ano entre o rock que se faz por cá, ouvi (e falei com) metade do grupo numa entrevista para o SAPO Música. O resultado pode espreitar-se aqui.

 

Um Valete que não se fecha em copas

 

O trocadilho do título deste post, além de fácil, é revelador da sensação que fica depois de uma conversa com Valete, que regressou esta sexta-feira aos palcos lisboetas (onde já não actuava há dez anos) e deverá regressar aos discos em 2013, com "Homo Líbero".

 

O álbum foi um dos assuntos da entrevista que fiz ao autor de "Educação Visual" para o SAPO Música, mas o rapper também comentou, sem grandes rodeios, o estado do país e do hip-hop, a relação entre a indústria musical e a internet ou... Miguel Relvas. "Adorava ouvir uma música do Luís Represas a dizer o que é que ele pensa do Miguel Relvas, por exemplo", sugere na conversa que pode ler-se aqui.