Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

gonn1000

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Sombras e nevoeiro

vietcong3

 

Interpol? Joy Division? The Chameleons? É difícil não pensar em alguma destas referências ao percorrer o álbum de estreia homónimo dos VIET CONG. Felizmente, e ao contrário de muitas bandas que recuperaram o pós-punk na viragem do milénio, as canções destes canadianos não se ficam pela homenagem reverente e insistem em abrir o seu próprio caminho, com direito a imprevistos e atalhos pouco canónicos.

 

"SILHOUETTES", o novo single, nem será um caso muito extremo, seguindo mais à letra o livro de estilo dos Interpol do que a maioria dos momentos do disco. Mas não só recupera parte da intensidade inicial dos nova-iorquinos como oferece algumas viragens quando parece estar a acomodar-se. O videoclip mostra um interesse comparável no misto de familiaridade e estranheza, ao juntar influências da ficção científica de Phillip K. Dick ou Arthur C. Clarke e dos ambientes de filmes de terror com casas assombradas: 

 

 

Da Ucrânia com furor

kazaky

Faz sentido que os KAZAKY tenham sido escolhidos para acompanhar Madonna no videoclip de "Girl Gone Wild". Afinal, desde 2010 que estes ucranianos têm levado muito a sério uma das máximas da rainha da pop: "Express yourself, don't repress yourself".

À custa disso - sobretudo pela pose andrógina ou por dançarem de saltos altos -, um dos seus concertos no Quirguistão teve de ser cancelado quando centenas de manifestantes anti-gay invadiram a sala. Mais comedido, o Ministério da Cultura russo limitou-se a distingui-los com o epíteto de "grupo imoral que contraria os valores humanos básicos".

Mas nem assim a a boy band deixa de actuar, com danças e coreografias capazes de destronar qualquer concorrência, nem de editar álbuns (já vão dois) e cada vez mais singles. Se a vertente visual dá que falar, a música também não é de se deitar fora, com flirts entre synth pop, house ou electro seguidores dos ensinamentos mais agitados de uns Depeche Mode, Pet Shop Boys, Fischerspooner ou Presets. "WHAT YOU GONNA DO", o novo single, é esclarecedor e atira uma bomba para a pista de dança com videoclip à altura: