Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

gonn1000

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

O gosto dos outros

jake_shears_kylie

 

Como o hiato dos Scissor Sisters, mantido já desde "The Magic Hour" (2012), ainda não tem fim à vista, Jake Shears vai fazendo a festa com outras companhias. A mais recente é a das NERVO, dupla australiana que o convidou para uma das faixas do seu álbum de estreia, "Collateral", editado este Verão.

 

Shears não só agradeceu como se fez acompanhar da amiga Kylie Minogue e de Nile Rodgers, tomando a liberdade de engordar a guest list. E assim não foi difícil fazer de "THE OTHER BOYS" a canção mais bem frequentada de um duo EDM que não costuma ter temas brilhantes nem colaborações especialmente recomendáveis - Nicky Romero, Steve Aoki ou Afrojack estão entre os suspeitos do costume na ficha técnica...

 

Não é que o resultado seja um single excepcional, mas o star power também não é desperdiçado numa pastilha elástica com sabor disco, ritmo imparável (a valer por uns quantos shots) ou um refrão que se cola à primeira e aguenta bem audições repetidas. Ajuda que soe mais a Scissor Sisters e a Kylie Minogue do que às próprias NERVO (com direito a guitarrada do mentor dos Chic no final) e o misto de euforia a despretensão tem representantes à altura nos cantores, que não ficam nada aquém dos bailarinos no videoclip. As filmagens devem ter sido divertidas:

 

 

Os miúdos estão bem

nocturnal_sunshine

 

Algures entre um ensaio para uma revista de moda vanguardista q.b., uma rave mais agreste e extrema do que o habitual ou uma versão negra de "Os Jogos da Fome" (ou outra saga sci-fi para adolescentes e jovens adultos) está o cenário do novo videoclip de NOCTURNAL SUNSHINE, o projecto paralelo (e também a solo) de Maya Jane Coles.

 

O álbum que revelou a nova faceta da DJ britânica, lançado no início do ano, não terá o apelo pop de "Confort" mas vem confirmar que está por aqui um dos valores seguros da música de dança recente. Depois dos singles "Take Me There" e "Believe", cabe agora a "IT'S ALRIGHT" garantir uma nova porta de entrada para um disco a ter em conta.

 

A canção até acaba por ser o single mais representativo do que o alinhamento tem para oferecer, ao aprofundar os contornos dub da nova vertente da sua autora. As imagens carregam no lado nocturno, numa madrugada em que o nascer do sol ainda parece estar longe:

 

 

A primeira vez de Jenny

Jennylee

 

Quase três minutos de pós-punk tão tenso como acolhedor, cortesia de uma voz capaz de ir do sussurro ao grito e a um baixo ondulante que domina a instrumentação. Não começa nada mal, a aventura a solo de Jenny Lee Lindberg, AKA JENNYLEE.

 

A baixista e segunda voz das Warpaint prepara-se para editar o álbum de estreia enquanto a banda não regressa como o sucessor do disco homónimo, lançado no ano passado, e deixa em "NEVER" um primeiro avanço a prometer boas coisas.

 

"Right On!" está agendado para 11 de Dezembro e terá entre os convidados Dan Elkan, vocalista e guitarrista dos Them Hills, ou Stella Mozgawa, baterista das Warpaint, e a sua autora tem dito que as dez novas canções não vão fugir muito de ambientes góticos e new wave, que de resto já tinham sido mais explorados pela sua banda no último álbum - e num concerto memorável na Aula Magna.

 

A julgar pelos excertos de algumas faixas que Jennylee tem partilhado nas redes sociais, a folk (vestida de negro) também parece deixar marca no que aí vem, conduzida por uma voz que poderá justificar mais atenções. Por agora, "Never" trata de atiçar a curiosidade:

 

 

Pág. 1/4