Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

gonn1000

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

À espera na piscina

dusky

 

Orbital, 808 State, Leftfield, LTJ Bukem. Estas são algumas das pistas que sinalizam o segundo álbum dos DUSKY, "Outer", que chega já no dia 14 e continua o mergulho em alguma música de dança dos anos 90 ouvido no longínquo "Stick By This" (2011) e nos EPs editados pela dupla britânica desde aí (com faixas como "Yoohoo").

 

Outro mergulho, mais literal, é o do videoclip de "LONG WAIT", motor de um pequeno prodígio técnico que capta, num só take, um homem capaz de manter a respiração no fundo de uma piscina durante os três minutos do single. E o que arranca como uma hipótese de recolhimento torna-se gradualmente num cenário de luz e celebração, à medida de um tema que cruza melancolia e intensidade rítmica (com a voz de Solomon Grey a lembrar a de Thom Yorke, mas nuns Radiohead dispostos a aceitar algum hedonismo).

 

Entre outras canções que têm aberto caminho para o disco, destacam-se ainda "Songs of Phase", exemplo de pragmatismo techno infeccioso com um sample vocal de Ursula Rucker, ou "Ingrid Is A Hybrid", que parece começar onde terminou "Speedway (Theme from Fastlane)", dos Prodigy, antes de avançar para a house com voz feminina igualmente ancorada em meados da década de 90. E talvez haja melhor a caminho quando Gary Numan está na lista de vocalistas convidados e o sampler do álbum sugere que esta viagem electrónica não se esgota na revisitação dos álbuns favoritos da dupla.