Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

gonn1000

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Os melhores de 2008: filmes

 

1 - "Nós Controlamos a Noite", James Gray
Entre o drama familiar e o policial, Gray apresenta aqui um dos filmes norte-americanos mais intensos dos últimos anos, aliando o clássico e o moderno e confirmando as boas suspeitas lançadas pelas obras anteriores.

 

2 - "A Turma", Laurent Cantet
O melhor filme de Laurent Cantet é também, e justamente, aquele que mais o aproximou do grande público. Olhar complexo, simultaneamente sério e divertido, sobre os problemas do ensino, é mais uma prova da solidez de algum cinema francês recente.

 

3 - "Hellboy II: O Exército Dourado", Guillermo del Toro
Filme-pipoca do ano? Muito provavelmente, já que esta sequela do anti-herói criado por Mike Mignola é, mais do que o anterior, uma valiosa oportunidade para Guillermo del Toro soltar a sua imaginação. E quando o delírio visual surge aliado a personagens carismáticas, garante-se entretenimento de topo do princípio ao fim.

 

4 - "Detenção Secreta", Gavin Hood
Além de contar com um elenco invejável - Jake Gyllenhaal, Meryl Streep ou Resse Witherspoon, entre outros -, este misto de drama e thriller é um dos mais conseguidos (e injustamente ignorados) olhares sobre os reflexos do terrorismo. "Tsotsi" já tinha dado bons motivos para acompanhar Gavin Hood, e "Detenção Secreta" só vem alargar o interesse.   

 

5 - "O Cavaleiro das Trevas", Christopher Nolan
Mesmo algo sobrevalorizado, o segundo capítulo da nova saga dedicada ao alter-ego de Bruce Wayne é a melhor adaptação da personagem ao grande ecrã. Nolan é, como sempre, um relizador meritório, mas é o inquietante Joker de Heath Ledger o que mais insiste em persistir na memória .

 

6 - "Expiação", Joe Wright
Com um brilhante primeiro terço, esta adaptação da obra homónima de Ian McEwan raramente atinge o nível do arranque, ainda que proponha uma das mais envolventes histórias de amor do ano. E tal como em "Orgulho e Preconceito", Wright sabe como fugir aos lugares-comuns dos dramas históricos.

 

7 - "O Segredo de um Cuscuz", Abdel Kechiche
Com algumas das cenas mais tridimensionais do ano, fruto de um efeito realista que só poucos conseguem, Kechiche aprimora os méritos da direcção de actores (com forte recurso ao improviso) registados em "A Esquiva". A par de "A Turma", foi o grande filme francês de 2008. 

 

8 - "Antes que o Diabo Saiba que Morreste", Sidney Lumet
O realizador norte-americano continua hábil na gestão do suspense, como o comprova este drama familiar com uma tensão de cortar à faca. E proporciona a Philip Seymour Hoffman uma das grandes interpretações do ano.

 

9 - "O Menino de Cabul", Marc Foster
"007 — Quantum of Solace" pode ter sido o filme mais mediático de Marc Foster nos últimos tempos, mas é "O Menino de Cabul" que mais merece ser relembrado. Centrado na amizade de duas crianças afegãs, é talvez o filme mais consistente do multifacetado realizador até agora.

 

10 - "Caramel", Nadine Labaki
Desenrola-se em Beirute mas pouco tem a ver com os ventos trágicos que levam a que a cidade ganhe protaginismo nos telejornais. Em vez disso esta comédia dramática opta por uma história sobre o quotidiano de quatro mulheres, emanando um apelo universal sem cair em facilitismos. O título não engana, esta é uma surpresa irresistível.

 

Este top 10 seria diferente se tivesse estreado por cá o óptimo "Saturno Contro", de Ferzan Özpetek (exibido no Queer Lisboa), e o não menos recomendável "Gespenster", de Christian Petzold (que passou pela KINO - Mostra de Cinema de Expressão Alemã), mas ficaram de fora já que a lista so inclui estreias do circuito comercial. E voltando a estas, há pelo menos mais dez que também merecem ser relembradas:

 

11 - "Filho de Rambow", Garth Jennings
12 - "Bem-Vindo ao Turno da Noite", Sean Ellis
13 - "O Estado Mais Quente", Ethan Hawke
14 - "Corações", Alain Resnais
15 - "Do Outro Lado", Fatih Akin
16 - "California Dreamin'", Cristian Nemescu
17 - "Sedução, Conspiração", Ang Lee
18 - "O Lado Selvagem", Sean Penn
19 - "WALL-E", Andrew Stanton
20 - "O Acontecimento", M. Night Shyamalan

 

Para ver uma lista mais extensa, com várias categorias, basta passar pelo especial do SAPO Cinema, que reúne as minhas escolhas, as da Inês e do Luís Salvado.

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.