Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

gonn1000

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Fundo de catálogo (39): The Cardigans

 

Depois de, a meio dos anos 90, terem vivido o pico da sua popularidade - muito por culpa de um single como "Lovefool", que se disseminou por todo o lado -, no final da década os Cardigans optaram por surpreender quem deles esperava mais três minutos de pop açucarada.

 

Não é que uma faceta mais negra não tenha estado presente até aí - basta ler as letras com atenção -, mas só em "Gran Turismo (1998), o seu quarto álbum, é que o quinteto sueco mergulhou em atmosferas mais sinuosas.

 

Com heranças do trip-hop e mesmo de alguma música industrial, o álbum é ainda o mais consistente e intrigante do grupo, e mesmo que não prescinda de alguns momentos imediatos (caso de "Erase / Rewind"), a maioria dos temas são óptimos exemplos de pop electrónica desafiante (comprovável na perfeição de "Paralyzed" ou "Explode").

 

No disco seguinte, "Long Gone Befor Daylight", (2004), a banda protagonizou outra viragem de 180º, com um conjunto de canções de travo mais folk e country, territórios em que tem apostado desde então (de forma interessante mas sem o mesmo brilho).

 

Para recordar fica aqui um dos momentos mais emblemáticos de "Gran Turismo", o single "My Favorite Game", cujo videoclip original foi censurado por algumas televisões mas pode ser visto aqui com os seus quatro finais (e todos demonstram que não será muito sensato emprestar o carro a Nina Persson):

 

Revisitações anteriores

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.