Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

gonn1000

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Amor combate

The Irrepressibles

 

Pouco se soube dos THE IRREPRESSIBLES desde que o projecto britânico se tornou uma das boas revelações de inícios desta década através do álbum de estreia, "Mirror Mirror" (2010), e do sucessor, "Nude" (2012). De então para cá, o vocalista, Jamie McDermott, continuou a fazer-se ouvir ocasionalmente, ao colaborar em discos dos Röyksopp ou Rex The Dog, mas o regresso à casa de partida parecia ser cada vez mais adiado.

 

Chegados a 2018, já não vai ser preciso esperar muito mais. A banda não só confirmou que há um terceiro álbum a caminho, preparado ao longo dos últimos três anos em Berlim, como já revelou a primeira amostra do que aí vem. E se "SUBMISSION", o novo single, sugere que a música dos THE IRREPRESSIBLES continua tão melancólica e intimista como até aqui (com uma pop de câmara que pode acusar alguma redundância no alinhamento de um longa-duração), o mentor do grupo garante que muitas das próximas canções serão mais dançáveis e até espirituosas. 

 

Submission

 

Garantidos estão também alguns convidados, embora a lista ainda esteja por revelar à excepção de Jon Campbell, cantautor norte-americano que participa no novo tema (ainda que os já referidos Röyksopp estejam entre as hipóteses prováveis, como estão ionnalee ou Susanne Sundfør, com quem Jamie McDermott partilhou palcos recentemente).

 

Embora se mantenha em modo contemplativo e etéreo durante boa parte da sua duração, "SUBMISSION" termina com alguma fricção electrónica, na linha do reforço de sintetizadores apontado pelo vocalista. Já a temática das relações amorosas parece continuar dominante, aqui numa canção centrada nos limites entre a cumplicidade e a cedência excessiva, a partilha e a submissão, que inspira um videoclip a juntar homoerotismo, masculinidade tóxica, homofobia Internalizada ou bullying à abordagem, partindo do confronto e do abraço entre dois wrestlers (que o realizador Savvas Stavrou abre a vários tipos de leituras):