Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

gonn1000

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Muitos discos, alguns filmes, séries e livros de vez em quando, concertos quando sobra tempo

Silêncio, que se vai ouvir darkwave

H ø R D

 

Desde 2013, Sebastien Carl tem-se tornado mais conhecido como HØRD, projecto através do qual dá voz (e sintetizadores) a uma darkwave que vai do contemplativo ao épico, contando com bandas sonoras de ficção científica, terror ou film noir entre as principais inspirações.

 

Depois de três EPs e do álbum de estreia "Focus on Light" (2016), a fornada mais recente chegou em Setembro, com "Parallels", e mostra-se tão sombria e opressiva como o que está para trás, embora continue a encontrar pistas aliciantes e a confirmar que o músico francês é um dos valores seguros da italiana Avant! Records (especializada em electrónica de travo nocturno e com um catálogo a merecer atenção).

 

Uma das boas amostras do disco é "SILENCE", densa mas ainda assim dançável, até infecciosa, promovida a single oficial depois do também convincente "Lrn". E o crescendo de intensidade tem correspondência no videoclip criado pelo artista visual alemão Unn, a meio caminho entre alguns universos inóspitos de Aphex Twin e o olhar sobre o corpo de um David Cronenberg. O título da canção é que engana, mas nada contra:

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.